quinta-feira, 25 de novembro de 2010

Charge do dia: Licitação esvaziada.


Charge local. A licitação para a construção da "Arena das Dunas" não recebeu nenhuma proposta. Em outras palavras, botaram areia nas Dunas.

quarta-feira, 17 de novembro de 2010

Charge do dia: Aniversário do Novo Jornal


Dizem que não existe charge "a favor", né? Então isso aqui não é um charge. Trata-se de um elogio visual ao Novo Jornal, minha casa desde março de 2010. Parabéns pra nós nesta data querida...

sexta-feira, 12 de novembro de 2010

Revista Maturi premiada


A Maturi foi eleita a melhor revista independente na 3a. edição do Prêmio Bigorna!
Vejam mais detalhes, clicando na imagem para ampliá-la ou acessando esse endereço: http://www.bigorna.net/index.php?secao=artigos&id=1289215918 . Parabéns a todos os quadrinistas, sejam do Grupehq ou não, que enriquecem o quadrinho potiguar!

Charge do dia: De$vio II

quarta-feira, 10 de novembro de 2010

Charge do dia: "Empoçado"


Charge local. Nesses dias de política tiririquiana, um trocadilho com o boicote à posse do suplente de deputado Siqueira. Simplesmente os deputados ignoraram a presença do suplente no plenário no dia de ontem. Para entender, leia o post anterior (http://www.ivancabral.com/2010/11/charge-do-dia-camara-salvadora.html).

sábado, 6 de novembro de 2010

Charge do dia: Câmara salvadora


Pra entender o caso: Sargento Siqueira é suplente de deputado e está envolvido na Operação Impacto que investiga o pagamento de propina a vereadores durante a votação do Plano Diretor de Natal. Reeleito em 03 de outubro e, consecutivamente, com o mandato assegurado a partir de 2011, eis que o deputado Gilson Moura renuncia ao mandato alegando necessidade de acompanhar uma irmã enferma, abrindo vaga para que o Sargento Siqueira assuma a vaga e conduza o processo da Operação Impacto mais uma vez para foro privilegiado. A direção do PV fala em negociata... Na charge, a câmara assume uma ambiguidade que não tem graça nenhuma em tempos de aperfeiçoamento da ética política (vide projeto Ficha Limpa).
Nada contra o deputado Gilson Moura, mas, advogado e conhecedor das leis que é, não teria ele uma alternativa de afastamento, licença, ou falta justificada para acompanhar a irmã? Esse é o velho problema filosófico do conflito entre a legalidade e a moralidade.
E o que fará a Justiça? Que tal esperar o fim do mandato tampão de Siqueira e seu foro privilegiado?

quinta-feira, 4 de novembro de 2010

Charge do dia: Transição de governo


A equipe de transição do governo estadual dando um polimento no cofre, já que o governador - embora a ex-governadora Wilma conteste a informação - anunciou a pindaíba potiguar.

Compartilhar/Share